Aconselhamento Sucesso no Casamento Estevão Souto

O seu casamento pode fracassar se você ignorar isto

Não deixe este problema que vou te apresentar leve seu casamento para um triste divórcio. Se você se dedicar a resolver este problema o seu casamento será salvo.

O seu casamento pode fracassar se você ignorar isto
Compartilhe
  • 53
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    53
    Shares

Sim neste artigo eu me proponho a lhe mostrar, quem sabe, o maior problema porque o seu casamento pode fracassar, e o pior é que você provavelmente não está conseguindo enxergar.

ombros de Jesus

Para isso vou me apoiar nos ombros do maior gigante que esta terra já conheceu. Gigante em sabedoria, cujos ensinos vêm transformando milhões de pessoas em todo planeta terra. Ninguém entende mais do ser humano do que Ele.

Vamos para o evangelho segundo Mateus capitulo 7 verso 3 até o 5.

“ E por que reparas tu no argueiro que está no olho do teu irmão, e não vês a trave que está no teu olho?
Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, estando uma trave no teu?
Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho, e então cuidarás em tirar o argueiro do olho do teu irmão.”

Começando a enxergar o problema

começando a ver o problema do casamento

 

Todos os dias recebo inúmeras mensagens com críticas ferrenhas ao comportamento do marido ou da esposa de alguém. Sim desde a criação da Fã Page Sucesso no Casamento, em 2011.

Sei que você, que está lendo estas linhas procurando descobrir o maior problema do seu casamento que provavelmente você não sabia. Talvez você pensou que eu iria chover no molhado e tecer argumentos que o maior problema é a incompatibilidade do casal, ou quem sabe os pecados “imperdoáveis que seu cônjuge comete contra você todo dia”.

Não, não é a incompatibilidade, até porque Deus nos criou todos diferentes com o objetivo de nos completarmos e nos edificarmos mutuamente. Todos somos pecadores, então é impossível que não haja conflitos, a não ser que uma pessoa se anule completamente o tempo todo ( o que seria o mesmo que enterrar sua identidade).

O maior problema pelo qual o seu casamento está fracassando, também não são os pecados do seu cônjuge, ainda que está seja a mais confortável afirmação.

O problema está na maneira de como você olha para as fraquezas e pecados do seu cônjuge. Jesus nos versos mencionados no inicio deste artigo, condenou o nosso olhar crítico para nosso irmão(cônjuge).

Quando focamos nosso olhar nos erros do cônjuge, deixamos de perceber que também somos pecadores, agimos como santarrões e além disso, atuamos como deuses que tem direito de punir o próximo, por não obedecer os nossos desejos por mais “puros” que eles pareçam ser.

Não estou dizendo que você tem que ficar completamente cego(a) e inerte ao comportamento pecaminoso do seu cônjuge e se você ler o texto de Mateus 7.3-5 com atenção, vai perceber que nem o Senhor Jesus exigiu  que você ignora-se a possibilidade de ajudar o seu cônjuge a ficar livre do cisco que está no olho dele.

Problema teoricamente encontrado

encontrando o problema do casamento

O grande problema de muitas esposas e maridos é buscar energicamente consertar o casamento começando pelo cônjuge, pois é muito fácil ver o pequeno “grande” cisco no olho dele.

Somos críticos excelentes, que só vemos os erros dos outros, as consequências deste nosso comportamento crítico são: Aborrecimentos, mágoas, indiferença, separações, confusões, irritações e etc…( Talvez você ache estranho eu me incluir no meio, mas é de propósito mesmo, também sou pecador, e se Jesus chamou a nós todos de hipócritas, quem sou eu para fingir que não sou).

Eu acredito que a grande desgraça na vida de muitos cristãos é acharem que o que está na bíblia só diz respeito ao outro, e por isso nunca reconhecem os próprios pecados e por isso não se desenvolvem.

Voltando a nossa hipocrisia, agora que sabemos que temos este grave defeito, cabe a nós começar o conserto por nós mesmos. Sim é preciso, reconhecer isso e tratar diante de Deus dos próprios pecados.

Enquanto você não reconhecer os seus pecados não alcançara misericórdia e muito menos crescerá espiritualmente para então ter bons olhos capazes de ajudar seu cônjuge a começar enxergar também sua necessidade de mudança.

O que Jesus enfatizou é que eu devo tirar primeiro a trave que está no meu olho, para isso eu preciso ser humilde o suficiente para fazer um autoexame e tratar primeiro a minha doença. Só depois deste processo é que terei autoridade para socorrer efetivamente aquele que está com um cisco.

Enquanto você não tratar o próprio pecado, toda ação para tentar ajudar o outro a mudar, só vai piorar as coisas. Você só conseguirá ferir o outro, ainda que sua intenção seja das melhores. E assim o seu casamento pode fracassar.

Você realmente não consegue ver o problema

não consegue ver o problema

Ai você me pergunta: “Estevão, mas eu não consigo enxergar os meus defeitos, na verdade eu acho que não tenho defeitos.”

E eu lhe respondo: – A trave no seu olho está realmente grande, bem que Jesus disse a dois mil anos atrás! Rsrs

Brincadeiras a parte… Mas é isso mesmo…. nós somos peritos em identificar e catalogar os defeitos do próximo, até conseguimos decorar um por um, a ponto de falar rapidamente pois estão na ponta da língua. 

Mas, calma, vou te apresentar um espelho que vai te ajudar a encontrar seus defeitos em alguns minutos. É um espelho muito sincero e você precisa confiar no reflexo dele, por mais que você não queira concordar.

Um desafio Prático para ver o problema

Você se casou com um excelente espelho, basta chegar para seu cônjuge e perguntar:

“ Amor, de coração quero melhorar, e para isso preciso da sua ajuda, por favor diz pra mim 3 defeitos de comportamento que te incomodam e que você ficaria feliz se eu mudasse?

Aconselho que você ouça com atenção e anote, e mesmo que tenha vontade de justificar tais comportamentos, não diga nada mais que, “muito obrigado por me ajudar”.

Após isso, reflita, sobre as palavras do seu cônjuge e ore sobre estes defeitos de comportamento e busque de coração mudar de forma significativa. Se o seu cônjuge não merece, não tem problema, faça isso por Deus e por você.

Pagando o mal com o bem você vai jogar brasas vivas na consciência do seu cônjuge. Segundo o Apostolo Paulo isso funciona até com os inimigos, imagine com seu cônjuge. Leia Romanos 12:20.

Como sempre enfatizei, a mudança no seu casamento precisa começar por você. Seja a mudança que o seu casamento precisa. No final da vida… todos nós prestaremos contas a Deus de todas as nossas obras e intenções, por isso vale a pena melhorar a cada dia para glória de Deus.

Se o seu casamento está muito complicado, houve traições e vocês estão separados, mas você entende que é da vontade de Deus que vocês voltem. Quero te indicar o Método Casamento de Sucesso feito pela psicóloga Renata Santos. Para conhecer este método Clique Aqui.

Gostou deste artigo? Então me ajude a Compartilhar o Sucesso no Casamento para milhares de casais que precisam de instrução.

Deus abençoe poderosamente o teu casamento

Até o próximo… Artigo,

 

(Visited 266 times, 146 visits today)

Also published on Medium.


Compartilhe
  • 53
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    53
    Shares
  •  
    53
    Shares
  • 53
  •  
  •  
  •  
  •  

Sobre o autor | Website

O Estevão Souto contribui para que casais construam um casamento de sucesso. É muito bem casado com a Jaci Souto, e pai da Pérolla. Palestrante, escritor, blogueiro e empreendedor digital.

Deixe o seu Comentário